domingo, 2 de março de 2014

Tudo das afetividades

por JD. Campo Grande, 28/02/2014

Verte tudo que ia
por vias que nada foi.

O que era normal
causa estranhamento.

O que era estranho
causa anormamento.

O que cabe na mente
inconsciente sente.

A gente discente,
mas decide recente.

O que se sabe carente
recente de outra vida.

De outras idas
que vertem em tudo.

Menos: em nada disso
que você toma por tudo.

Um comentário:

  1. Caro amigo

    Tudo tem duas partes.
    Há quem acredite
    que elas são opostas.
    Mas a grande verdade,
    é que elas são
    complementos.

    Que o amor nos vista a vida,
    com as suas mais preciosas cores...

    ResponderExcluir

Digite seu e-mail aqui para receber atualizações do Descaradamasio. A média é uma postagem semanal.