sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Escrever para entender? A'veis.

O alimento cultural se desnutre
nessonda de quarqué rodei
de elementos in english

mas mente de colono supre
mas eu eu sei, eu andei
os cabra, vixe, entende

colher semente incui
desplante de frutos futuros,
acude não dizer claramente

é pra que nada a mente
soltar de véu uso
e trepar em ti. Ui!

17/01/2014
#Inspiração: Em nome do 'se fazer entender' e da objetividade, muitos aprimoram sua comunicação e seus diálogos são rapidamente entendidos pelo receptor. Mas até onde se vai sem fazer esvair pelo ralo da cultura de massa e da linguagem una, todas umas culturas... e o sentimento, e a vida do diálogo pelos não-entendidos, pelos importantes ruídos, pelos acasos de gíria. Sacou o know-how?

2 comentários:

  1. Comunicar é cada dia mais uma arte. Para além dos próprios anseios, mais do que antes, precisamos compartilhar com qualidade, sem deixar de lado toda a riqueza que o diferente do formal pode acrescentar.

    ResponderExcluir
  2. Caro amigo

    Além de mais um texto
    bem produzido,
    alegra-me vê-lo
    revestido pela inteligência,
    característica marcante
    de sua palavras.

    Cada dia um sonho.
    É o que desejo aos que ocupam
    o meu coração.

    ResponderExcluir

Digite seu e-mail aqui para receber atualizações do Descaradamasio. A média é uma postagem semanal.